sábado, 15 de janeiro de 2011

puta que pariu.

isto já é a celebração do ridículo.

1 comentário:

Adão Manuel Magalhães disse...

Oi, cá estou eu,

AZAGORRO nos corrupieiros

da banha da cobra, gloriosos

lampiões à custa da iluminação

pública.

Site Meter