quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Parabéns ao Sporting

Apenas 2 apontamentos:

- Por umas quantas "decisões manhosas" o Nalitzis refere-se o vermelho que não foi dado ao Adrien Silva e ao segundo amarelo ao Polga com uma mão que faz o Henry corar de vergonha. Se fosse ao contrário, aposta que a espuma de raiva que cairia do canto da boca do sportinguista cá do sítio ia inundar o teclado e causar umas quantas gralhas no seu post.

- Temos de dar os parabéns ao Sporting. Fez um excelente resultado e conquistou um pontinho na luta pela manutenção.


PS- Manuel Machado em coma devido uma má sucedida lipoaspiração? Desde quando é que os treinadores de futebol são fashion victims? Volta Octavio Machado, estais perdoado!

4 comentários:

Nalitzis Krpan disse...

"A Bazófia"

O texto vinha na contra-capa do Record aqui há uns dias. Vale a pena ler.

De resto, só um benfiquista se queixaria desta arbitragem do Pedro Proença.

O que eu vi foi um David Luiz com cotovelos largos armado em Bruno Alves e um Sidnei que devia ter levado amarelo bem cedo no jogo (coisa que seria sem dúvida chata para um central). De resto, podemos perder dias a fios a debater minudicências.

O empate aceita-se. O árbitro, apesar de pouco capaz, não foi decisivo para nada. Claro que em Portugal é cada vez mais difícil falar de futebol quando o benfica joga. É o mesmo ridículo de sempre. Pressionam o CD da Liga, queixam-se por antecipação de arbitragens (leonor pinhão, joão gobern, silvio cervan, ricardo araujo pereira, etc e tal... não há um único comentador benfiquista que não se tenha queixado de arbitragens ainda antes de o campeonato começar). "trabalha-se" muito ainda antes de entrar em campo. E depois é o mesmo de sempre: se berrarem e se se queixarem muito, até parece que foram mesmo as vitimas.

Já conheço isto demasiado bem e há demasiado tempo para fechar os olhos com essa areia.

O benfica nunca perde, é sempre prejudicado ou roubado. Quando ganha, é porque são de longe os melhores. Quando empata, elogia-se o adversário numa ironia bacoca. Responsabilidades? Só quando convém.

Bossio Rojas disse...

LOL a tua dualidade de critérios acaba de bater no ridículo. Então o menino pode falar sempre das arbitragens dos jogos em que o Benfica ganha chegando ao caricato de dizer que o Nacional é roubado quando perderam por 6!, repito 6, e eu não posso falar de dois jogadores do Sporting que deveriam ter sido expulsos? Porquê? Porque são minudicências? LOL

Não deixes a teu sportinguismo impregnado de altivez e arrogância baralhar-te o discernimento. Não podemos falar de certos temas só quando nos convêm ou nos são favoráveis. Esse é um erro primário de qualquer argumentação saudável e eficaz.

Pedro disse...

Se o árbitro não tivesse cometido os erros de que se fala aqui, também não teria dado o primeiro amarelo ao Polga! Mérito à excelente queda (mais uma) do Pablito Aimar.

O vermelho cá do sítio só se lembrou de referir os casos que lhe convêm... Globalmente a arbitragem foi fraquita mas não creio que seja daqueles jogos em que se possa dizer que puxou mais para um lado do que para o outro. Foi uma arbitragem como o próprio jogo, sem história (e nestes casos até é bom sinal).

Nalitzis Krpan disse...

Obrigado, Pedro

O meu colega Bossio não tem culpa de ser benfiquista. Quer dizer, tem e não tem porque nesta coisa dos clubes há mais paixão do que razão. Claro que depois acontecem destas. O universo benfiquista gira sempre de forma diferente em relação ao resto da existência. Casos, casos, não os houve. Houve algumas más decisões. Se escolheres cirurgicamente, podes logo sustentar a milenar tese de que "anda tudo à caça do benfas porque é o maior clube de todos os tempos e para sempre e a humanidade está cheia de invejosos que odeiam o benfas porque é divino e muita bom".

Site Meter